Portal da Cidade Rio Claro

Esalq

Campanha contra febre maculosa retorna ao Campus Luiz de Queiroz

Ação consiste em alertar para os riscos da presença do carrapato estrela em áreas afastadas e também de grande circulação e consequente transmissão.

Publicado em 05/07/2022 às 10:43

Ilustração (Foto: IME Clínica Cidadã)

Após o período de distanciamento social, por conta da pandemia de Covid-19, o Campus Luiz de Queiroz retorna, neste mês de julho, com a “Campanha de conscientização contra febre maculosa”. A quarta edição aconteceu em 2019 e, nesta quinta edição o estande da campanha será instalado em outro local, num novo espaço criado no gramado ao lado do gramadão central da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP).

+ Confira notícias de Rio Claro e região

Essa campanha de férias é realizada pela Comissão Técnica Permanente de Prevenção e Controle da Febre Maculosa do Campus Luiz de Queiroz e consiste em alertar para os riscos da presença do carrapato estrela em áreas afastadas e também de grande circulação. Dessa forma, aos sábados e domingos do mês de julho, sempre das 09h às 12h e das 14h às 17h, os visitantes do Campus poderão visitar a instalação que trará material ilustrativo sobre os organismos relacionados a esta doença

A ideia é que as pessoas aprendam um pouco sobre a febre maculosa, principalmente no que se refere às precauções e ações a serem tomadas com o aparecimento dos sintomas da doença. De acordo com coordenadores e voluntários envolvidos na campanha, a mensagem levada ao público pode salvar vidas, ao explicar sobre a forma como ela ocorre, a importância do carrapato estrela na transmissão da bactéria (Rickettsia rickettsii) e os cuidados a serem tomados para evitar ou debelar a doença.

Eles reforçam que a principal mensagem da campanha é: “sentiu dor de cabeça, mal-estar geral ou febre alta em um a dois dias após ser picado por um carrapato na região de Piracicaba, vá ao médico e fale sobre o carrapato. Isso, certamente, irá alertá-lo sobre a possibilidade de que se trate da febre maculosa, atribuindo então o tratamento específico necessário para curar a grave doença”.

Destaca-se que uma das atrações que desperta a atenção dos visitantes é o fato de mostrar uma capivara empalhada que, em vida, é a principal hospedeira do carrapato estrela. A peça empalhada pertence ao Museu de Zoologia Prof. Salvador de Toledo Piza Junior, da Esalq.

Público presente na 4.ª edição

Na edição anterior da campanha, cerca de 2.300 pessoas visitaram o estande. Entre elas os piracicabanos que visitam o Campus para atividades de lazer e, também, pessoas de outros 38 municípios paulistas, de outros 12 estados brasileiros (Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina) e, até mesmo, de três países (Canadá, Itália, Rússia).

Fonte:

Receba as notícias de Rio Claro no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário